Connect with us

Internacional

PIB dos Estados Unidos cresceu 2,5% em 2023

Published

on

PIB dos Estados Unidos cresceu 2,5% em 2023

[ad_1]

O crescimento econômico dos EUA desacelerou muito menos do que o esperado pelos analistas econômicos nos últimos 3 meses de 2023. O produto interno bruto (PIB) cresceu a uma taxa de 3,3% no último trimestre e a 2,5% no total do ano. Os números foram divulgados nesta quinta-feira, 25, pelo Departamento de Comércio norte-americano.

Este resultado superou o aumento de 2,0% esperado por analistas consultados pelo jornal The Wall Street Journal. O gasto do consunidor e os gastos do governo contribuíram para o crescimento.

+ Leia mais notícias do Mundo em Oeste

O investimento privado doméstico bruto subiu 2,1%, sendo um fator significativo para o trimestre robusto. Já o aumento nos gastos do governo federal foi de 2,5%.

Apesar do resultado maior que o previsto, o PIB do quarto trimestre representa uma desaceleração em relação à alta de 4,9% no terceiro trimestre.

No comparativo com o ano anterior, o PIB dos EUA de 2023 acelerou após a economia americana ter crescido 1,9% em 2022.

Leia também: “Biden: ‘Está claro’ que Trump vai ser o candidato do Partido Republicano”

Fed tenta controlar a inflação

Federal Reserve
Algumas das preocupações giram em torno de possíveis efeitos retardos da política monetária, especificamente os 11 aumentos nas taxas de juros, totalizando 5,25 pontos percentuais, aprovados pelo Fed entre março de 2022 e julho de 2023 |Foto: Reproduçõa/@federalreserveboard

De acordo com a imprensa norte-americana, o Federal Reserve (o equivalente nos EUA ao Banco Central no Brasil) tem tentado reduzir a atividade econômica para controlar a inflação.

Desde março de 2022, o Fed aumentou as taxas para o patamar mais alto em 22 anos e as manteve lá. Com isso, a inflação caiu de um pico de 9% em junho de 2022 para 3,4%.

“Até agora, o Fed conseguiu sufocar a inflação sem sufocar a economia”, disse o economista da Allianz Trade Americas, Dan North.

Economistas esperam desaceleração da economia em 2024

North acredita que em 2024 o crescimento da economia norte-americana seja lento: “Mas ainda não estamos usando a palavra recessão”.

Leia também: “Trump vence primárias em New Hampshire”

Segundo relatos dos especialistas, os preços principais para os gastos pessoais, preferidos pelo Federal Reserve como uma medida de inflação de longo prazo, aumentaram 2% no período, enquanto a taxa geral foi de 1,7%.

Em termos anuais, o índice de preços de gastos pessoais subiu 2,7%, uma queda em relação aos 5,9% do ano anterior. A figura principal, que exclui componentes voláteis como alimentos e energia, apresentou um aumento anual de 3,2%, comparado a 5,1%.

“Todo mundo queria se divertir, as pessoas compraram carros novos, gastaram muito em recreação e também fizeram viagens”, disse a economista-chefe do U.S. Bank, Beth Ann Bovino. “Já estamos esperando um pouso suave há algum tempo. Este é apenas um passo nessa direção.”

[ad_2]

Continue Reading
Advertisement
Clique para comentar

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Revista Plateia © 2024 Todos os direitos reservados. Expediente: Nardel Azuoz - Jornalista e Editor Chefe . E-mail: redacao@redebcn.com.br - Tel. 11 2825-4686 WHATSAPP Política de Privacidade